Atualidade

Menina que precisa de eletricidade para estar viva fica desalojada

13 Março, 2018

Menina que precisa de eletricidade para estar viva fica desalojada

Maria é uma bebé de 4 anos e meio nascida com uma malformação cerebral severa, cuja vida depende de cuidados continuados especiais e de eletricidade.

 

Maria é uma menina de quatro anos e meio nascida com malformação cerebral severa. A vida de Maria Antonella, que vive num bairro de Buenos Aires, na Argentina, depende de cuidados continuados especiais que a fazem depender de eletricidade para viver.

Os órgãos da criança não se desenvolveram por completo durante a gestação. Em consequência disso, só a constante ligação a máquinas de suporte vital a mantêm viva. A malformação leva a família a viver em constante sobressalto de perder a criança, temendo eventuais falhas elétricas na rede pública.

LEIA TAMBÉM: Morreu a menina que vivia presa num corpo idoso

Para lá do constante receio de que uma falha prolongada de luz pudesse tirar a vida a Maria, agora recebem a pior das notícias. Débora, mãe da bebé de 4 anos e meio, recebeu no último mês ordem de despejo. Ela, o marido e os três filhos têm de abandonar a casa alugada onde vivem.

Revolta e partilha do caso nas redes sociais levaram a companhia elétrica a não efetuar o corte de luz à casa da bebé de 4 anos.

Este mês, a família recebeu a visita da companhia de eletricidade para efetuar o corte, a mando do proprietário do apartamento. O senhorio alega problemas no contrato de arrendamento.

Com dificuldade para conseguirem um espaço para viver, os pais da pequena Maria esconderam os problemas de saúde da filha. Foi com base nesta omissão que o senhorio tomou medidas para expulsar a família.

A revolta e a partilha desta história nas redes sociais – Instagram, Facebook e Twitter – levaram a companhia elétrica a não efetuar o corte de energia à casa onde vive a bebé de 4 anos. Saiba como ajudar aqui.

Leia mais em impala.pt.

partilhar | 0 | 0