Nacional

Francisco Adam morreu há 12 anos. Leia o testemunho arrepiante do único sobrevivente

16 Abril, 2018

O ator morreu há 12 anos num acidente de viação. Filipe Diegues foi a único sobrevivente do trágico acidente

Era manhã de domingo de Páscoa, dia 16 de abril de 2006, e os jornais davam conta de um trágico acidente, em Alcochete. Francisco Adam, de 22 anos, era o condutor e a primeira vítima mortal, enquanto um dos passageiros acabaria por morrer semanas mais tarde, no hospital.

Na viatura seguia o melhor amigo do ator, Filipe Diegues, que sobreviveu praticamente ileso, mesmo sem usar cinto de segurança.

«Apareci do lado oposto, com as pernas entaladas entre o banco de trás e o da frente e a cabeça a bater no tejadilho. Parti o vidro do meu lado, meti as mãos fora do carro e abri a porta. Consegui soltar as pernas e, quando finalmente saí do carro, procurei o telemóvel para chamar o INEM, mas não o encontrei. Dirigi-me para a porta do pendura e consegui abri-la. O Sr. Osvaldo estava com o cinto e tinha a parte da cabeça e dos membros superiores deslocados para a zona central do carro. Tirei-lhe a pulsação e vi que ainda respirava.

Depois fui para o lado do Chico e parti o vidro. Ele tinha a cara no airbag, que rebentou. Tentei ver se reagia ao medir a sua pulsação, mas no meio do pânico não quis perceber a verdade. Depois fui para o meio da estrada pedir ajuda. Quando parou um carro com um senhor que chamou a ambulância, fui novamente para junto do Chico e voltei a tirar-lhe o pulso. Foi nessa altura que percebi que o coração não batia. Fiz tudo para o salvar e não consegui. Pedi-lhe para ele não morrer, mas ele morreu à minha frente. Senti-me tão impotente», relatou, na altura, o jovem sobrevivente e amigo do ator.

Recorde o ator na galeria.

 

partilhar | 0 | 0