Lifestyle

Estes são os 10 piores inimigos da sua pele. Elimine-os já da sua rotina!

12 Fevereiro, 2020

A flacidez e as rugas aparecem com o passar dos anos. Porém, há gestos diários simples que ajudam a retardar o envelhecimento.

Pode até gastar balúrdios em cosméticos, mas se não mudar de hábitos, eles não farão milagres à sua pele. E quando se olhar ao espelho, a falta de luminosidade e elasticidade, bem como as acentuadas rugas de expressão da idade serão uma realidade.

Porém, lembre-se que rejuvenescer a sua pele só depende de si.

Tabaco

Grossa, amarela e sem brilho! É como fica a pele dos fumadores. A nicotina diminui a oxigenação da pele e desequilibra o metabolismo, acelerando a perda de colagénio e, em consequência, a elasticidade cutânea.

Stress

Desacelere o ritmo e procure relaxar, pois a ansiedade e o stress provocam alterações hormonais que arruínam a saúde da pele. Esta fica mais suscetível à oleosidade e ao aparecimento de acne e, em casos mais extremos, de doenças como herpes, alergias, erupção cutânea, psoríase e até vitiligo.

Poluição 

Pode não estar nem aí, mas a verdade é que a poluição atmosférica agride a derme e acelera o envelhecimento das células, sobretudo, para quem não tem o hábito de proteger a pele diariamente, aplicando hidratante, protetor solar até no inverno e limpeza antes de deitar.

Água 

Se quando se belisca a derme demora muito tempo a voltar ao normal, é sinal de que está desidratada e flácida. Por isso, não se esqueça de ingerir água– ponha um lembrete no telemóvel–, de hora a hora, por exemplo.

Alimentação

Falamos da má, obviamente! Uma dieta equilibrada, pobre em açúcares e gorduras, e rica em vitaminas C, E, A e bioflavonoides, presentes em vegetais, fruta e leguminosas, ajuda a ter uma ação antioxidante contra os radicais livres.

Açúcar

Faz pior do que o que sabe. Se comete o pecado da gula muitas vezes por semana, modere-se, pois quem sofre é a sua pele. Em excesso, o açúcar é culpado pela perda de colagénio das células, que tornam a pele flácida e cheia de rugas.

Sol

Sabia que 80 por cento do envelhecimento da pele é da responsabilidade da exposição solar excessiva e da ausência de protetor? As radiações oxidam as células que o organismo de forma natural não é capaz de impedir.

O fotoenvelhecimento existe e para controlá-lo é essencial usar cremes protetores: pelo menos com um FP de 30 para as zonas mais sensíveis (rosto, colo, pescoço e mãos) e de 15 no resto do corpo. Além disso, quando “trabalhar para o bronze”, evite as horas de maior calor e procure as sombras.

Insónias 

Noites em claro e sonos agitados não ajudam ao rejuvenescimento.É durante o período de descanso que o corpo passa pelo processo reparador do organismo. A falta de sono causa stress e provoca alterações hormonais, que prejudicam a saúde da derme. Já percebeu por que acorda com olheiras e a pele baça?

Sedentarismo

As caminhadas, as corridas ou os exercícios no ginásio melhoram a circulação sanguínea e o metabolismo do organismo, reduzem o stress e favorecem as noites bem dormidas. Como tal, a sua pele só fica a ganhar!

Hidratante

Hidratar a pele de manhã e à noite com creme é essencial para a sua elasticidade. Os cosméticos ajudam a prevenir ressecamento das células, bem como dermatites e descamação, que agravam o aparecimento de rugas.

Veja também: Rir faz bem à saúde: Estes são os benefícios de dar uma boa gargalhada
Texto: Revista Maria | Fotos: Pixabay

Siga a Revista Maria no Instagram

partilhar | 0 | 0

 
Top