Nacional

António Hipólito põe tudo a nu: Soraia é «ciumenta», Raquel mentiu e Angel «quer ser poeta erótica»

20 Maio, 2020

António Hipólito esteve na tarde desta terça-feira, 19 de maio, no programa de Júlia Pinheiro para esclarecer polémicas em que se viu envolvido.

António Hipólito esteve na tarde desta terça-feira, 19 de maio, no programa de Júlia Pinheiro, na SIC, para falar da montanha russa em que se tornou a sua vida desde o final do programa Quem Quer Namorar com o Agricultor? e veio a público esclarecer polémicas em que se viu envolvido.

A Soraia era «ciumenta demais»

António Hipólito terminou a participação na segunda edição do programa num relacionamento com Soraia, uma das candidatas, mas que não durou muito tempo. Os ciúmes e a «descontração» de António Hipólito com as mulheres acabou por separá-los.

O agricultor chegou a ser chamado pela mesma de «predador sexual», algo que não lhe agradou. «Ela era ciumenta demais», diz.

A alegada gravidez de Raquel Lourenço

«Logo de seguida há mais um problema… Foi pai ou não foi pai?»questiona-o Júlia Pinheiro, após, em agosto de 2019, a concorrente garantir publicamente que estaria à espera de um bebé de Hipólito. «Não, que eu saivba não», risos.

António Hipólito contou a sua versão da história. «A Raquel Lourenço meteu conversa comigo nas redes sociais, queria vir jantar comigo ao Alentejo. Eu não tenho maldade. Ainda falámos algum tempo e depois veio. Passámos a noite juntos e ela três semanas depois… eu não lhe prometi nada, não lhe disse que ficávamos namorados. Elas é que se veem meter comigo, não a obriguei a nada», garante.

Júlia pergunta-lhe: «Isto quando nos envolvemos assim sexualmente com alguém, se existe um momento de intimidade grande, ainda por cima sem proteção, não é razoável que uma das partes fique a pensar que vão haver ‘mais episódios’?»

O agricultor explica-se. «Eu não disse que namorava com ela. Não se falou sobre isso. Fizémos o que tínhamos a fazer, ela foi para Portimão e eu fiquei no Alentejo. Trocámos umas mensagens depois, mas nada de especial, ela queria que eu fosse a Portimão e eu fui adiando…». «Não houve química?», interrompe-o Júlia.«Tirando aquele momento, não. Para namorar não. Eu sei que ela não é mulher para mim. Três semanas depois disse-me que estava grávida. Eu, indiretamente, disse-lhe que devia estar maluca!»

A apresentadora insiste: «A senhora não esteve grávida?» «Teve lá agora! Não. Podia estar grávida mas não era meu. Ameaçou-me que ia para a comunicação social falar. Queria-me tramar, não entendo a necessidade disso. Não havia bebé nenhum. Houve aquela noite de sexo e pronto. É verdade, eu sou realista. Ela viu que eu me estava a afastar e queria-me agarrar de alguma forma», assegura.

Agricultor desmente noivado com Angel Magalhães

«O que é que aconteceu com a Angel?», prossegue Júlia, entre risos. «Ui… a Angel… pois! A Angel quer ser poeta erótica à força e precisa de protagonismo. Estas mulheres só precisam de protagonismo. Veem meter conversa comigo», afirma. «Estive deitado com ela, mas não fiz sexo com ela», conta, deixando Júlia Piheiro de boca aberta. «Este programa nunca teve assim tanta transparência…»

«Daí já fomos noivos e tudo mais. Isso começou por causa de um ex qualquer da Liliana Oliveira», revela, referindo-se à noiva da segunda edição de Casados à Primeira Vista. «Pediu-a em casamento e ela queria safar-se disso perante a imprensa

«A Angel veio falar comigo para a safar. Pediu-me ajuda. Um casamento qualquer de um ex da Liliana, disse-me que lhe ia dizer que não aceitava o pedido de casamento porque gostava de mim. De um momento para o outro já eramos namorados. Só queria protagonismo», repete. «Há pessoas que não me conhecem e chamam-me tudo. Eu não sou nenhum mulherengo, elas é que se veem meter comigo. Sou homem e gosto de mulheres…»

«Portanto, a Angel acusou-o de traição com a Liliana Oliveira, é isso?», prosseguiu Júlia. «Pois, porque pus uma foto no meu instagram com ela», responde. «Elas nem amizade me têm a mim. Querem ter protagonismo

António Hipólito assume estar apaixonado

«Como é que está a sua vida? Está apaixonado? Não me diga o nome de ninguém», termina por perguntar Júlia, salvaguardando-o. «Sim», ri-se.

«É agora?» «Não sei… algum dia tenho de acertar!», remata.

Texto: Joana Dantas Rebelo, Fotos: Redes Sociais e D.R.

Adquira a sua revista Maria online

1 – Aceda a www.lojadasrevistas.pt

2 – Escolha a sua revista

3 – Clique em COMPRAR ou ASSINAR

4 – Clique no ícone do carrinho de compras e depois em FINALIZAR COMPRA

5 – Introduza os seus dados e escolha o método de pagamento

6 – Pode pagar através de transferência bancária ou através de MB Way!

E está finalizado o processo! Continue connosco. Nós continuamos consigo.

Siga a Revista Maria no Instagram

partilhar | 0 | 0

 
Top