Nacional

Desconfinamento: O que reabre na próxima segunda-feira e os concelhos que recuam

15 Abril, 2021

António Costa confirmou que vai arrancar a terceira fase do plano de desconfinamento no próximo dia 19 de abril na maioria dos concelhos do País.

Após a reunião de Conselho de Ministros desta quinta-feira, António Costa confirmou que vai arrancar a terceira fase do plano de desconfinamento no próximo dia 19 de abril na maioria dos concelhos do País.  “Neste momento, encontramo-nos já num quadrante amarelo – embora ainda muito próximo do verde”, referiu o primeiro-ministro, salientando que Portugal está em condições “de dar o próximo passo”.

Tal como foi definido anteriormente pelo Governo, os cerca de 300 mil estudantes do ensino secundário e os quase 400 mil do ensino superior podem regressar às aulas presenciais já na próxima segunda-feira. Os restaurantes, os cafés e as pastelarias poderão abrir o serviço de mesa no interior, limitado a grupos de quatro pessoas. Os horários também estão definidos:  Até às 22:00 durante a semana e às 13:00 aos fins-de-semana e feriados.

Vão reabrir também as lojas de centros comerciais – cumprindo a lotação fixada pela Direção-Geral da Saúde – cinemas, teatros, salas de espetáculo, assim como as lojas do cidadão.

Concelhos que recuam no desconfinamento

Devido à evolução da covid-19, nem todos os concelhos avançam da mesma forma. Moura, Odemira, Portimão e Rio Maior vão voltar às regras que vigoravam no continente antes do atual processo de desconfinamento. Segundo António Costa, estes concelhos terão de fechar já a partir de 19 de abril, ginásios, esplanadas, museus e lojas. Estas últimas voltam a funcionar apenas ao postigo.

Os concelhos de Alandroal, Albufeira, Beja, Carregal do Sal, Figueira da Foz, Marinha Grande e Penela mantém as regras que vigoram atualmente não avançando, por isso, para a fase seguinte.

Plano anteriormente definido

19 de abril

• Ensino secundário;
• Ensino superior;
• Cinemas, teatros, auditórios, salas de espetáculos;
• Lojas de cidadão com atendimento presencial por marcação;
• Todas as lojas e centros comerciais;
• Restaurantes, cafés e pastelarias (máx. 4 pessoas ou 6 em esplanadas) até às 22h ou 13h ao fim de semana e feriados;
• Modalidades desportivas de médio risco
• Atividade física ao ar livre até 6 pessoas e ginásios sem aulas de grupo;
• Eventos exteriores com diminuição de lotação;
• Casamentos e batizados com 25% de lotação

O que se espera a 3 de maio

• Restaurantes, cafés e pastelarias (máx. 6 pessoas ou 10 em esplanadas) sem limite de horário;
• Todas as modalidades desportivas;
• Atividade física ao ar livre e ginásios
• Grandes eventos exteriores e eventos interiores com diminuição de lotação;
• Casamentos e batizados com 50% de lotação.

Texto: Carla S. Rodrigues

Leia ainda: Covid-19: Mais 18 mortes e 627 novos casos em 24 horas

Siga a Revista Maria no Instagram

partilhar | 1 | 0

 
Top