Nacional

Luís Borges quebra silêncio sobre morte da mãe: «Vou cuidar do Pai, não te preocupes»

11 Julho, 2019

Luís Borges deixou uma longa declaração de amor nas redes sociais, em forma de despedida, à mulher que o criou,

Luís Borges, de 31 anos, despediu-se da mãe adotiva esta quarta-feira, 10 de julho. Maria do Céu Semedo morreu no Hospital de Santa Maria, em Lisboa, vítima de doença prolongada.

Na tarde desta quinta-feira, 11 de julho, o modelo deixou uma longa declaração de amor nas redes sociais, em forma de despedida, à mulher que o criou, acompanhada de uma fotografia da mesma a preto e branco.

«Mãe, hoje despeço-me de ti com o coração super apertado. Partiu um pedaço de mim, tu partiste e sei que nunca mais te vou ter ao meu lado. Vou quebrar, mas só um bocadinho, porque tu me ensinaste-me a carregar o mundo às costas sozinho e a lutar pelo que queria. Sai de casa aos 19 anos num acto de rebeldia para te provar que os sonhos têm asas e que eu podia voar. Hoje foste tu que voaste para longe de mim! O cancro levou-te e foi rápido demais e eu achava que estava preparado mas não estava. Tínhamos as nossas diferenças mas é a ti que agradeço por tudo o que fizeste por mim e no homem que hoje eu sou», começou por escrever.

«Deste o teu melhor e eu fico feliz por isso! Adorava tratar de ti, de te pintar o cabelo daquele loiro que tu tanto adoravas e dizer o que te ficava bem na hora de te vestires. Odiava o risco preto que usavas nos olhos porque parecia que estavas sempre borrada, hoje quis que fosses igual ao que sempre usaste e fiz questão de te vestir com uma das cores que mais amavas. Nestes últimos dias estavas a sofrer muito e eu fazia-me de forte cada vez que te ia ver. O meu coração dói, dói muito, mas quero que saibas que vais viver para sempre dentro dele. Estás junto da avó que é a minha estrela e agora passaram a ser duas. Não deixes de brilhar quando te pedir ajuda, e agora vais poder ver aí de cima o porquê de nem sempre conseguir te dizer o que se passava na minha vida. Vou cuidar do Pai, não te preocupes… eu só quero que descanses em Paz como mereces. Amo-te para sempre e desculpa todos os momentos em que te fiz chorar. Um beijo do teu filho Luís», pode ler-se na publicação.

A infância difícil de Luís Borges

Luís Borges foi adotado depois de ser abandonado pela mãe biológica. O ex-marido de Eduardo Beauté soube que tinha sido adotado quando tinha sete anos, viveu tempos difíceis, mas agradece à família que o acolheu. «A minha infância não foi muito fácil. Soube de uma maneira muito brusca. Portei-me mal na escola e os meus pais adotivos disseram-me que eu era assim porque era adotado, não tinha nada a ver com eles, era do sangue da minha progenitora. As coisas mudaram a partir daquele dia. A relação com os meus pais adotivos nunca mais foi a mesma. Tratavam-me de maneira diferente do que os meus irmãos, mas agradeço imenso terem cuidado de mim. O meu pai adotivo é irmão da minha progenitora», contou em 2016 em entrevista ao programa Alta Definição, da SIC.

Na mesma entrevista, Luís Borges revela que chegou a conhecer a mãe biológica, mas que ficou muito magoado. «A minha progenitora deixou-me num quarto de pensão e foi comprar droga para consumir. Pediu à senhora da pensão para cuidar de mim e não voltou. Foi presa pela polícia e deportada para Cabo Verde. Teve a opção de me levar a mim e ao meu irmão com ela, mas disse que não queria». Depois de 20 anos, regressou. «Teve um cancro e teve de voltar a Portugal. O primeiro encontro aconteceu no salão do Eduardo», contou Luís Borges. «Ainda lhe pensei dar uma oportunidade, mas ela disse-me coisas que não se dizem a ninguém. Abri-lhe a porta da minha casa, fui com ela a consultas, comprei-lhe roupa e quando disse que queria saber quem era o meu pai, porque sou filho de pai incógnito no BI, ela respondeu que não sabia quem era, se era francês ou sueco, e disse-me : ‘tens muita sorte de eu não te ter posto num caixote do lixo’. Isso são frases de uma pessoa sem sentimentos», desabafou.

Leia aindaLuís Borges partilha imagem sugestiva e faz pedido atrevido

Extra:

 

Texto: Redação Win/Conteúdos Digitais; Fotos: impala

 

Siga a Revista Maria no Instagram

partilhar | 0 | 0

 
Top