Nacional

Surpresa: Lurdes e Paulo de Casados tinham encontros secretos e António descobriu

4 Novembro, 2019

Por esta é que ninguém esperava. Lurdes e Paulo que formaram o novo casal, este domingo, mantinham encontros secretos à revelia de Ana Raquel e António.

Paulo e Lurdes formaram o novo casal em Casados À Primeira Vista. Foi na cerimónia de compromisso, deste domingo, 3 de novembro, que o inesperado aconteceu. Paulo tomou a decisão de “sair” da relação com Ana Raquel mas propôs uma relação com… Lurdes.

Quem não achou muita piada ao sucedido foi António que começou por dizer: «aproveitem. Juntam o útil ao agradável. Já cá estão.» Em jeito de brincadeira, o ainda marido de Lurdes chegou a sugerir uma traição. «Já me vão meter os cornos e eu ainda estou casado?», referiu o concorrente, o que levou todos os concorrentes a rirem da expressão usada.

Enquanto Lurdes e Paulo falavam com os especialistas, António comentava o que era dito dizendo coisas como «Vais ter uma agradável surpresa Paulo. Olha, desejo-te sorte. Não sabes onde te estás a meter» e «isto já não é um programa, é um deboche».

Leia ainda: Casados À Primeira Vista: Anabela fugiu de casa mas já voltou a falar com Lucas!

 Casados À Primeira Vista: Ana Raquel feliz por Paulo

Nisto, a ainda mulher de António mostrava-se feliz com a sugestão de Paulo. E apesar de dizer que não teve ainda grande oportunidade para conhecer o concorrente, Lurdes acredita que «há qualquer coisa que indica que vai ser melhor» esta experiência, do que a que viveu com António.

António mostrou-se magoado e desiludido, uma vez que acredita não ter feito nada que merecesse tal atitude da companheira. «Não tenho nada que comentar. No fundo acho que não merecia», afirma, largando ainda uma bomba que apanhou os espectadores de surpresa:

«Não esperava o que ela fez comigo porque a meio da semana ela foi pagar as contas ao multibanco e, no entanto, foi falar com o Paulo. Encontrou logo ali um amigo. Atravessou a rua para ir ao multibanco, encontrou um amigo, esteve uma hora. E eu andei a ligar para as pessoas, porque ela não atendia os telefonemas, podia-lhe ter acontecido alguma coisa, preocupado», conta.

«São atitudes que só ficam bem ou mal a quem as pratica», termina.

Texto: Marisa Simões; Fotos: Divulgação SIC

 

 

 

 

 

Siga a Revista Maria no Instagram

partilhar | 0 | 0

 
Top