Telenovelas

Festa é Festa: El Cacto tem uma missão secreta para Peixoto

22 Maio, 2024

Em Festa é Festa, El Cacto diz ter uma missão para Peixoto e ele fica intrigado e ansioso.

Em Festa é Festa, da TVI, Carlos (Rodrigo Paganelli) não se fica pelas ameaças verbais e começa a empurrar Gabanna (Bruno Cabrerizo). Tomé (Pedro Teixeira) repreende Carlos, mas aproveita-se da situação para dar também uns encontrões a Gabanna e descarregar as suas frustrações. Albino (Pedro Alves) repreende Carlos e manda-o parar com aquilo, pois se bate em Gabanna, Corcovada corta o financiamento à equipa. Teixeira vê-se obrigado a intervir para pôr termo àquela confusão. Pede a Carlos para se acalmar e afirma que não é assim que se resolvem as situações. Teixeira aconselha Carlos a tomar um banho frio e ir para casa descansar. Ele próprio vai também embora e não percebe porque fizeram questão de o arrastar para ali.

Peixoto (Vítor Emanuel) chega a casa muito cansado e El Cacto (Luís Gaspar) pergunta-lhe se são horas de chegar. Peixoto é apanhado de surpresa, pois não contava ter horários para chegar a casa. El Cacto diz-lhe que fala demais e que não percebe nada do que ele diz. Peixoto diz que se calhar isso não é mau. El Cacto diz ter uma missão para Peixoto e ele fica intrigado e ansioso. El Cacto revela que a missão que tem para Peixoto é pintar o altar da igreja. Peixoto diz que está muito cansado e agora não pode. El Cacto diz-lhe que não precisa de ser agora, mas tem de ser até domingo. Peixoto pergunta quanto lhe pagam para fazer uma obra com tanta urgência. El Cacto não estava à espera daquela pergunta.

Nando (Manuel Marques) vê fotos de Cheninho no telemóvel. São apercebe-se e mostra-se empática com Fernando. Este diz ter muitas saudades do neto e gostava de ver como ele está agora e as coisas que já sabe dizer e fazer. São (Sílvia Rizzo) sugere que Fernando ligue a Fábio e o convide a vir visitá-los. Fernando fica muito emocionado e diz que São é a melhor mulher do mundo.

Peixoto está a dar os últimos retoques no altar e a queixar-se por ter feito uma direta a trabalhar e nem sequer ir receber por isso. O Padre (Carlos M. Cunhas) aparece e fica muito surpreendido com a obra. O Padre tem dificuldade em acreditar que tenha sido Peixoto a fazer aquilo, dado que está muito bem feito e diz que parece um milagre. Peixoto fica ofendido.

Recorde o episódio anterior de Festa é Festa.

Texto e fotos: TVI

Siga a Revista Maria no Instagram

partilhar | 0 | 0